COMO RESPIRAR NA CORRIDA

A maior dificuldade dos meus alunos de corrida é a questão de como melhorar o fôlego. Com isso ensino qual a melhor forma de respirar durante uma corrida com um treino de melhorar o desempenho e diminuir a fadiga precoce.

O grande erro é começar a correr em um ritmo mais rápido do que o seu corpo está preparado. Quando isso acontece a sensação é que está faltando ar. Com isso sem, perceber, você começa a puxar ar pela boca, gerando uma dor de lado conhecida popularmente por “dor de veado” que gera uma sensação como se alguém possui enfiado uma faca na altura da sua costela. Essa sensação que você está puxando menos ar do que precisa é uma ilusão, pois nosso corpo não precisa do ar especificamente e sim do oxigênio. Os nossos músculos estão solicitando mais oxigênio, porém respirar descontroladamente não vai ajudar nosso corpo nessa condição. Precisamos respirar de forma consciente.

A primeira dica é correr no seu ritmo, busque uma velocidade confortável e tente permanecer nela o maior tempo que conseguir. Uma segunda dica é inspirar ou ar pelo nariz e soltar pelo nariz ou pela boca. Tente encontrar um ciclo que mais te agrada, por exemplo: tento seguir o determinado padrão, inspiro e solto 2 vezes pelo nariz e terceira vez eu inspiro pelo nariz e solto pela boca. Na medida em que meu ritmo de corrida vai aumentar vou modificando a frequência da respiração e se necessário o padrão, podendo chegar a inspirar pelo nariz e soltar pela boca.

Espero que você tenha gostado dessa dica, na próxima semana vou abordar como começar a correr.